WTM-LA: Brasil é o 4º mercado emissor nas propriedades da Wynn Resorts em Las Vegas

Wynn Resorts - Susan SalazarSusan: Brasil está atrás de Canadá, Reino Unido e México

Com duas propriedades de luxo atualmente em funcionamento em Las Vegas, a Wynn Resorts é uma marca bastante conhecida dos brasileiros. Prova disso é que, hoje, os turistas nacionais são o quarto mercado emissor para os empreendimentos  da rede, que somam 5 mil apartamentos na cidade.

“Brasileiros lideram entre os latino-americanos e só ficam atrás de canadenses, britânicos e mexicanos, nessa ordem”, diz Susan Salazar, gerente de Vendas Travel Industry da rede. “Ásia também é muito forte”, completa a executiva, destacando que, em 2017, a diária média das duas propriedades fechou em US$ 198. “Já a nossa ocupação ficou em 89%”, acrescenta.

Wynn Resorts: aberturas

De acordo com Susan, embora todos os empreendimentos da rede em Las Vegas tenham cassino, 75% da receita não vêm desse segmento. “O grosso é oriundo de nossos restaurantes, boates, spa e hospedagem”, revelou. “Em nossas propriedades em Macau ocorre justamente o contrário”, completa.

A Wynn Resorts está com uma abertura prevista em Boston (EUA). Com 600 apartamentos, o complexo vai consumir US$ 2,4 bilhões em investimentos e deve ser inaugurado no verão de 2019 do Hemisfério Norte. “Somos a única empresa com licença para operar cassinos em Boston”, acrescenta Susan.

Além disso, a rede tem outros dois empreendimentos em desenvolvimento em Las Vegas.

(*) Crédito da foto: Vinicius Medeiros/Hotelier News

Comentários