WTM-LA: Meliá mira cidades brasileiras com potencial para o bleisure

(*) O Hotelier News conta, durante a WTM-2019, com o apoio do Holiday Inn Parque Anhembi.

WTM-LA - Meliá International_Fernando GagliardiGagliardi revela desejo da rede em voltar ao Rio de Janeiro

Grandes capitais com potencial tanto de lazer, quanto corporativo, são o foco de desenvolvimento da Meliá Hotels International no Brasil. Mesmo sem ter nenhum contrato fechado, a rede espanhola vêm avaliando oportunidades em várias cidades. Um exemplo é o Rio de Janeiro, onde a empresa perdeu uma unidade no ano passado

“Em termos de pipeline mundial, prevemos uma expansão robusta nos próximos anos. A recuperação da economia brasileira nos anima para expandir por aqui também”, afirma Fernando Gagliardi, diretor de Vendas, Marketing e Distribuição da Meliá na América do Sul. “Miramos destinos com potencial de bleisure, casos de Fortaleza, Recife e até São Paulo, que vem crescendo muito neste sentido em função do seu aspecto cultural e gastronômico”, ressalta.

Gagliardi destaca ainda que os resultados estão sendo positivos este ano até aqui. “Janeiro veio em linha com o que projetávamos, mas fevereiro, em função do Carnaval, teve crescimento expressivo em relação ao ano anterior, ainda mais porque o feriado, no ano passado, foi em março”, revelou. “Imagino que, ao final do primeiro trimestre, teremos resultados positivos para celebrar”, completa.  

WTM-LA: unidades no exterior

Com estande na WTM-LA, a Meliá aproveitou o evento para divulgar suas unidades no exterior. “Com a retomada da economia, prevemos aumento do fluxo de brasileiros para nossas propriedades no mundo. Uma aposta é o Inside Miraflores, aberto ano passado, em Lima, que é o primeiro hotel da marca na região”, comentou Gagliardi.

Por fim, Gagliardi confirmou que a rede espanhola abre duas unidades na América Latina este ano, ambos sob contratos de gestão. As propriedades, que ficam em Playa Mujeres (México) e Costa Rica, devem entrar em operação em outubro e agosto, respectivamente.

(**) Crédito da foto: Lucas Kina/Hotelier News

Comentários