WTM-LA: Paraíba deve ganhar sete novos hotéis até o final do ano

ruth avelino paraíbaRuth Avelino

Com investimento crescente na área de hotelaria, a Paraíba também vem se preparando para melhor receber os turistas. Esse maior investimento na infraestrutura turística pode ser traduzido pela abertura de sete hotéis apenas essa ano. A informação é da presidente da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), Ruth Avelino Cavalcanti.

De janeiro a abril, houve três abertura só em João Pessoa. Há mais quatro empreendimentos em construção na capital, com previsão de inauguração até o final do ano. “Em Campina Grande, a segunda maior cidade da Paraíba, também há projetos em andamento. Nosso estado está tendo um crescimento expressivo na rede de hoteleira”, avalia Ruth.

Para ela, o estado é, além de ser um ótimo destino turístico, um bom lugar para viver. “Um dos principais diferenciais da Paraíba é a qualidade de vida. Todo turista quer voltar pra morar. Temos uma capital com características de cidade do interior, por exemplo”, afirma.

Paraíba: do litoral ao interior

A Paraíba é muito diversa e cada região tem seu atrativo: sertão, litoral e o Cariri são exemplos. O parque ecológico localizado em Souza (PB) tem a maior quantidade de pegadas de animais pré-históricos do país, destaca Ruth. Outro lugar que atraí muitos turistas é a “Roliúde” nordestina, escrita assim mesmo em português. Localizado em Cabaceiras (PB), o lugar já foi cenário de algumas emissoras que realizaram novelas e minisséries em suas paisagens.

O Fluxo de turistas é constante durante todo o ano. Hoje, o estado dispõe de 27 mil leitos de hotéis e pousadas, dos quais 12 mil estão em João Pessoa. “Agora, com voo semanal direto da Argentina, o número de turistas estrangeiros tem aumentado. Recebemos também muitos portugueses, italianos e espanhóis, mas o maior fluxo continua sendo doméstico”, finaliza Ruth.

(*) Crédito da foto: Maria Rita Quemello/Hotelier News

Comentários