';

"Novas fases, muitas mudanças e novidades para vocês!"

Vinicius Medeiros
Editor-Chefe
Cursos
icone de um computador com um LMS (learn management system)
Confira nossos cursos

Pesquisa aponta principais escolhas dos brasileiros para a retomada do turismo

Por Redação 10 de agosto de 2020

retomada do turismo - pesquisa80% dos brasileiros adiaram ou cancelaram viagens devido à pandemia

Meio à uma retomada ainda cautelosa e gradativa, há muitas especulações quanto ao destino do setor, que sofreu um grande baque com a crise. A grande aposta do ainda é o turismo doméstico, devido às facilidades promovidas por este. Uma pesquisa ouviu cerca de 3.243 pessoas para entender os anseios para a volta do turismo.

Promovida pelo blog Viaje na Viagem, a pesquisa indagou aos leitores sobre o que esperam para retomada. Realizada entre os dias 14 e 20 de julho, a sondagem apontou que, quando voltarem a viajar, os brasileiros querem ir, especialmente, para destinos de praia. Pretendem se locomover principalmente de avião e indicam que os dados sobre o estágio da contaminação pelo coronavírus no destino escolhido será o aspecto mais relevante na organização da viagem.

A pesquisa apurou ainda que 80% dos respondentes cancelaram ou adiaram viagens por conta da pandemia. Dos que adiaram, 53% ainda não sabem quando vão fazer a viagem. 14% planejam retomar os planos entre outubro e dezembro deste ano. A maior parte (mais de 60%) das viagens canceladas ou adiadas era para o exterior.

Outra consequência para o setor é o impacto da crise econômica nos brasileiros. Os que perderam emprego, tiveram renda reduzida ou sofreram redução de renda no núcleo familiar somam 53% dos participantes da sondagem.

“Os resultados confirmam que 2020 teria sido o melhor ano para o turismo brasileiro desde 2014 e, como evidenciado, o comprometimento da renda em todos os segmentos econômicos vai impactar o turismo por um longo tempo, talvez até maior que o já previsto”. Explica Mariana Aldrigui, professora da Universidade de São Paulo, que auxiliou na estruturação metodológica da pesquisa.

Retomada do turismo: escolhas dos brasileiros

Quanto à locomoção, metade (50,6%) dos respondentes apontou que ainda pretende se locomover de avião, enquanto 45% usará o próprio carro. Para os turistas, o aspecto mais relevante na organização da viagem serão os dados sobre o estágio da contaminação pelo coronavírus no destino escolhido.

Já em relação à hospedagem, hotéis, pousadas ou resorts são as principais opções que despontam nos planos dos participantes do estudo. Cerca de 65% buscará por esses meios de hospedagem, enquanto 14% planeja alugar casa para férias ou feriado.

Sobre as preferências de viagem, locais de praia lideram como opção de primeiro destino pós-quarentena ou pós-pandemia, com 33% das respostas. Cidades grandes (18%), destinos de natureza (17%) e cidades pequenas (12%) aparecem em seguida. O grupo dos viajantes que ainda não escolheu destino soma 14%.

Participantes do estudo também questionados quanto à importância de cinco critérios de segurança que constam nos diferentes protocolos adotados em destinos e estabelecimentos como hotéis e restaurantes. Todas as cinco afirmações foram consideradas “Absolutamente importante” ou “Muito importante”. Em primeiro lugar, aparece “Hospedagem com selo de higienização”, seguido pela opção de “Evitar destinos com aglomerações”, “Disponibilidade de álcool em gel, máscaras e outros no destino”, “Hospedagem onde o próprio viajante possa controlar a higiene do quarto/casa” e por fim “Destino com selo de segurança emitido pelo governo ou entidades do turismo”.

(*) Crédito da foto: veerasantinithi/Pixabay