';

"Bem-vindos ao nosso novo portal! "

Peter Kutuchian
Founder & CEO
Cursos
icone de um computador com um LMS (learn management system)
Confira nossos cursos

Samba Hotéis projeta faturamento de R$ 40 milhões para este ano

Por Filip Calixto 14 de novembro de 2018

Guilherme Castro - Samba HotéisCastro avalia o ano como positivo

Preparando mais duas inaugurações para este ano (Itu, em São Paulo, e Beirute, no Líbano), a Samba Hotéis vive um 2018 positivo. Com alta nos números operacionais de suas unidades, a empresa espera fechar o ano com faturamento de R$ 40 milhões e já projeta 2019. Para a próxima temporada, a expectativa é faturar R$ 70 milhões e ampliar a lista de empreendimentos geridos.

Além da expectativa de faturamento, o que mais satisfaz a gestão da empresa foi alcançar o almejado aumento na diária média. O índice cresceu cerca de 10% na comparação com 2017, considerando todos os hotéis e suas diferentes faixas de preços. "Para nós, esse é um dado muito importante que comprova o bom ano que tivemos", pontua Fred Carvalho, diretor de Comunicação da marca.

A ampliação de capacidade é outro motivo de orgulho para a empresa fundada em 2017. Em poucos meses o portfólio deve aumentar ainda mais. Segundo informações de Guilherme Castro, CEO da empresa, o mercado de São Paulo – capital e interior – deve ter novidades em breve. Também há um projeto em andamento para o estado do Rio de Janeiro. "Em breve anunciaremos", promete Castro.

Outros quatro projetos, dessa vez da marca Samba in The Box, devem evoluir nos próximos meses, colocando o produto supereconômico da rede em voga.

Samba Hotéis: confirmação da nova marca

Num resumo sobre 2018, Carvalho destaca o lançamento e afirmação da bandeira Samba in The Box. De acordo com ele, o produto teve boa aceitação do mercado e conquistou investidores que não pensavam na hotelaria como lugar para colocar seu dinheiro. 

Os hotéis da marca são compostos por quartos instalados em containers especialmente projetados. Esse modelo barateia o custo e acelera o ritmo para que o meio de hospedagem esteja funcionando. 

(*) Crédito da foto: