';

"Bem-vindos ao nosso novo portal! "

Peter Kutuchian
Founder & CEO
Cursos
icone de um computador com um LMS (learn management system)
Confira nossos cursos

Lufthansa anuncia mais uma retomada de voos semanais entre Brasil e Europa

Por Redação 17 de julho de 2020

Lufthansa - retomadaAnnette Taeuber, diretora de Vendas do Lufthansa Group no Brasil

Após anunciar a ampliação de voos entre São Paulo e Alemanha, a Lufthansa Group adiciona mais uma etapa à retomada das operações. Em anúncio feito ontem (16), a companhia informou que, a partir de setembro, a SWISS contará com cinco voos semanais partindo de São Paulo com destino à Zurique.

O que registra dois voos adicionais à oferta atual. Com a adição das novas frequências, o Lufthansa Group passa a conectar o Brasil à Europa com dez voos semanais, divididos igualmente entre Lufthansa e SWISS.

"Estes novos voos mostram que estamos gradualmente ampliando nossa oferta, em consonância com a abertura ao turismo em outros países. E representa, acima de tudo, a confiança do Lufthansa Group no retorno aos níveis pré-pandemia futuramente", diz Tom Maes, diretor de Vendas das companhias aéreas do Lufthansa Group para a América do Sul.

Como plano de retomada, a companhia ainda prevê que, a partir de setembro, as operações retornem quase que por completo. A proposta é de 90% das rotas de curto e médio curso e 70% de suas rotas intercontinentais, distribuídas pelas companhias aéreas do Lufthansa Group. Incluindo, portanto, a Lufthansa, SWISS, Austrian Airlines, Brussels Airlines, Air Dolomiti e Eurowings.

No Brasil, desde o início da pandemia, o Lufthansa Group manteve suas atividades com três voos semanais na rota São Paulo- Frankfurt, expandidos para cinco no mês passado. No início de julho foi a vez da SWISS retomar suas operações no País, oferecendo três voos semanais que partem de São Paulo com destino a Zurique.

"A crise gerada pela pandemia evidenciou ainda mais a resiliência do mercado brasileiro e sua importância para o Lufthansa Group. Durante esse período, a rota São Paulo-Frankfurt foi vital para as operações do grupo, sendo uma das poucas no mundo a operar ininterruptamente", destaca Annette Taeuber, diretora de Vendas das companhias aéreas do Lufthansa Group no Brasil.

Lufthansa: operações durante a pandemia 

Devido ao atual contexto, a Lufthansa Airlines e a Lufthansa Cargo têm aumentado sua cooperação, utilizando aeronaves de passageiros para realizar transporte de carga. Sendo responsável pelo reabastecimento de equipamentos médicos produzidos na Ásia. Seis aeronaves A330 da Lufthansa foram destacadas em Frankfurt para complementar a frota MD-11F e dos Boeing 777F da Lufthansa Cargo. Os assentos foram removidos pela Lufthansa Technik, permitindo assim o carregamento de carga na cabine principal. Quatro A350 da Lufthansa também estão sendo utilizados nessas missões desde sua base em Munique, enquanto SWISS opera este tipo de voo com aeronaves B777.

A demanda adicional por transporte gerada pela pandemia levou a companhia a aumentar o número de voos para o País, adicionando uma quinta frequência ao seu calendário semanal de voos. Desta maneira, desde abril, a Lufthansa Cargo tem operado cinco voos por semana, que conectam Frankfurt ao Aeroporto de Viracopos (Campinas), assim como tem reforçado seu serviço regular com fretamentos e operações adicionais. Além disso, os cargueiros da Lufthansa Cargo também escalam em Curitiba, Guarulhos e nordeste.

A partir da próxima semana a Lufthansa Cargo também fará o remanejamento de suas duas operações semanais no Nordeste do País, de Natal, no Rio Grande do Norte, para Recife, em Pernambuco.

Quanto ao transporte de passageiros, a companhia também fez adaptações para garantir uma viagem segura. Desde 4 de maio, a marca passou a exigir o uso de máscaras, tanto dos passageiros quanto de comissários de bordo. Outras medidas ainda englobam práticas de higienização, com filtros de alta qualidade (HEPA) que removem 99.9% de impurezas. E a Lufthansa também disponibiliza aos clientes a possibilidade de realizar o teste para o vírus Covid-19 nos hubs de Frankfurt e Munique.

"Zelar pela segurança de nossos clientes e tripulação é um dos pilares que sustentam as operações do Lufthansa Group. Sendo assim, durante todo esse delicado período, tomamos medidas visando garantir o transporte de passageiros de maneira segura e tranquila", indica Maes.

(*) Crédito das fotos: Divulgação/Lufthansa