';

"Bem-vindos ao nosso novo portal! "

Peter Kutuchian
Founder & CEO
Cursos
icone de um computador com um LMS (learn management system)
Confira nossos cursos

Mabu reúne imprensa para ‘inaugurar’ Blue Park em SP

Por Vinicius Medeiros 13 de novembro de 2018

Luciano Motta, Malu Barreto, Hernán Saucedo, Viviane Camargo e Wellington Estruquel

Projeto de R$ 60 milhões da Mabu Hotels & Resorts, o Blue Park abre as portas oficialmente em dezembro, em Foz do Iguaçu (PR). Para parte do trade de São Paulo, contudo, o parque aquático já foi “inaugurado”. Hoje (13), a rede paranaense promoveu almoço, no bairro dos Jardins, para dar detalhes finais sobre o início das operações. Boa parte das lideranças da empresa esteve presente, entre eles Wellington Estruquel, CEO da companhia; Hernán Saucedo, diretor geral de Hotelaria; Luciano Motta, diretor de Vendas; Malu Barreto, gerente de Marketing; e Viviane Camargo, gerente de Vendas Mice.

Lançado em 2015, o Blue Park terá 62 mil metros quadrados (m²) de área construída, sendo o maior parque aquático da região Sul. O empreendimento terá três etapas de inauguração. Na primeira, no mês que vem, já estará em funcionamento a praia artificial de 11 mil m², com ondas de até 1,20 metros de altura.

“Restaurante, bares, vestiário e uma loja de conveniência também entram em operação em dezembro. O Blue Park abre as portas com um ano de antecedência, podendo receber até 2 mil pessoas”, afirma Estruquel. “Há ainda um espaço para shows, luaus e coquetéis ao ar livre, onde empresas poderão locar o parque com exclusividade após às 17h. No caso do primeiro, é possível montar um palco de 12 metros de largura e colocar quase 2 mil pessoas na praia assistindo. Já temos quatro eventos fechados por conta da inauguração”, acrescenta.

Na segunda fase, em julho de 2019, entram em funcionamento os brinquedos radicais, caso dos tobogãs fabricados pela canadense WhiteWater. Por fim, em dezembro do mesmo ano, começa a operar a área kids. “Fizemos uma pesquisa com consumidores para que eles elegessem o que deveria ser aberto primeiro. Imaginávamos que fosse dar a área kids, mas nos enganamos”, brincou. “Entre as atrações da última fase teremos o rio lento e brinquedos”, acrescentou.

Mabu - Blue Park projeçãoProjeção da praia artificial, que entra em operação em dezembro

Mabu: My Mabu

Anexo ao Blue Park está sendo erguido o My Mabu, primeira incursão da rede paranaense no segmento de fracionados. A TC Brasil Consultoria dá apoio comercial à Mabu, que tem tíquete médio de R$ 110 mil na venda das unidades. No total, são 210 quartos, que devem ser entregues em dezembro de 2019. “A obra também está a todo vapor e 96% das frações imobiliárias já foram negociadas”, revelou Estruquel. Outra torre com o mesmo número de unidades também está prevista no complexo.

O CEO da Mabu informou ainda que as vendas do Passaporte Blue Park estão indo muito bem. O programa de relacionamento, lançado no Festival das Cataratas, em junho, oferece pacotes com diferentes valores, número de beneficiários e vantagens. “A cidade é carente de clubes. Não há nenhuma opção de lazer similar na região e, por isso, estamos tendo muitas vendas para moradores de Foz e munícios ao redor. Já foram comercializados mais de 600 passaportes”, finaliza.

(*) Crédito da capa: Vinicius Medeiros/Hotelier News

(**) Crédito da foto: Divulgação/Mabu Mabu Hotels & Resorts