ABIH-RJ e Hotéis Rio lançam de selo de boas práticas no combate ao Covid-19

hoteis-rio-boas praticasEntidades criaram "Dez Mandamentos" de boas práticas

Após divulgar a proposta, a ABIH-RJ (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Estado do Rio de Janeiro) e  o Hotéis Rio (Sindicato dos Meios de Hospedagem do Rio de Janeiro) anunciam novo selo de boas práticas no combate ao Covid-19. O produto é resultado de uma parceria com órgãos públicos do estado e prefeitura. 

Com objetivo de guiar o setor durante o período da pandemia, ao mesmo tempo que tranquiliza o consumidor, as associações desenvolveram a certificação. A partir da parceria com a Secretaria de Estado de Turismo e a Vigilância Sanitária do Município do Rio de Janeiro, foram desenvolvidos os “Dez Mandamentos”, referentes ao selo do estado. Além das “Regras de Ouro”, da prefeitura, seguindo com itens específicos da operação hoteleira. 

“Queremos tranquilizar os visitantes e empresários de que o Rio de Janeiro está tomando todas as providências para que a retomada da atividade turística, corporativa e de eventos aconteça de forma segura e alinhada às mais exigentes recomendações dos órgãos responsáveis. Estamos certos que a rede hoteleira de todo o Estado irá aderir em peso à nossa cartilha de orientações e estará apta a receber os visitantes com as novas adaptações que o momento exige”, diz Alfredo Lopes, presidente da Hotéis Rio. 

"Temos, enfim, uma importante ferramenta para atrair turistas aos múltiplos destinos do Rio de Janeiro, assim que as portas se abrirem. Aliás, a construção coletiva foi a razão deste promissor passo. A ABIH-RJ teve um papel fundamental", complementa Otavio Leite, Secretário de Estado de Turismo.

Hotéis Rio: certificação

O certificado é válido somente aos empreendimentos hoteleiros situados no estado do Rio de Janeiro. É necessário se adequar às normas das cartilhas e preencher junto ao portal do governo ou da prefeitura. Assinando uma autodeclaração, em que se compromete a cumprir todas as diretrizes vigentes orientadas pela Secretaria de Estado de Turismo e Vigilância Sanitária.

Para aqueles que aderirem junto ao governo, é necessário ainda o cadastrado no CadasTur. Os meios de hospedagem sediados no município do Rio de Janeiro poderão solicitar os dois selos, desde cumpram ambas as normas.

Dentre os critérios para receber o selo de segurança, estão a recomendação de check in online e/ou pré check-in. Como também novos protocolos de higienização nas áreas privadas e sociais, adaptações nos serviços de alimentação. Além do uso obrigatório de equipamentos de proteção individual.

“Os empreendedores do Rio de Janeiro, preocupados em fomentar as atividades econômicas da cidade, trouxeram propostas que impulsionaram as boas práticas higiênico-sanitárias do município. São medidas que trarão o compromisso não só dos empresários, mas também dos seus colaboradores, funcionários e da própria população em aderir às novas regras e restrições. A criação deste Selo é um importante avanço na prevenção de riscos à saúde de todos”, finaliza Márcia Rolim, subsecretária de Vigilância Sanitária do Rio e médica veterinária.

(*) Crédito da foto: Divulgação/Hotéis Rio

Comentários