Accor confirma mais um Grand Mercure em São Paulo

Accor - evento conversão The CapitalTrapp (ao centro) dá mais detalhes do futuro Grand Mercure Itaim Bibi

Em evento realizado há pouco, em São Paulo, a Accor apresentou ao mercado sua nova opção upscale na cidade. A rede francesa está convertendo o The Capital, flat localizado no bairro do Itaim Bibi, em um Grand Mercure. Reformas estão em curso no empreendimento para adaptá-lo ao conceito da marca. O projeto é assinado pelo escritório de Consuelo Jorge.

Até o momento, segundo Philippe Trapp, diretor de Operações das marcas Luxo & Lifestyle da Accor para a América do Sul, 50% dos apartamentos já foram reformados. “O plano é terminar toda reforma até o meio do ano que vem. No começo de 2020 iniciamos as obras no lobby e no restaurante”, informa. “Aproveitar a ocasião e agradecer a confiança dos investidores aqui presentes. Queremos fazer do hotel uma referência da bandeira Grand Mercure no país”, completa.

Falando em investidores, parte do ativo pertence à BHG (Brazilian Hospitality Group), com o restante nas mãos de investidores individuais no modelo de condo-hotel. “A conversão faz parte do acordo firmado com Accor, acertado no final de 2017”, esclarece Alexandre Solleiro, CEO da BHG, presente ao encontro. “Já a reforma vai receber recursos de todos: BHG, Accor e dos condôminos”, completa Solleiro, sem revelar o investimento.

Accor: o novo projeto

Com a nova conversão, a Accor passa a contar com três unidades da Grand Mercure na capital paulista: Ibirapuera, Vila Olímpia e, agora, Itaim Bibi. “Apostamos muito na marca, que é uma das bandeiras upscale que mais cresce na rede”, afirma Trapp. “No Brasil, buscamos uma conexão com a cultura local e a brasilidade no conceito da marca, o que se reflete também na decoração dos ambientes”, completa.

Inaugurado no ano passado, o Grand Mercure Vila Olímpia leva também essa pegada, característica seguida por Consuelo no projeto apresentado para o antigo The Capital – que por sinal já aparece no site da Accor. “Buscamos fazer uma conexão com a brasilidade, trazendo um pouco da nossa cultura hospitaleira e fazendo um convite para o hóspede se sentir em casa”, finaliza a arquiteta.

(*) Crédito da fotos: Vinicius Medeiros/Hotelier News

Comentários