Adit Share começa em Foz do Iguaçu (PR)

De Foz do Iguaçu, Paraná*

Adit Share - Caio CalfatCalfat, novo presidente da Adit Brasil, falaa na posse da nova gestão

Promovida pela Adit Brasil (Associação para o Desenvolvimento Imobiliário e Turístico do Brasil), a 7ª edição do Adit Share teve partida em Foz do Iguaçu (PR). O evento, focado nos segmentos de timeshare e multipropriedade, prossegue até sábado (8). Pela manhã, o encontro foi oficialmente aberto com a posse do novo conselho e presidência da entidade. Na sequência, nova pesquisa sobre o mercado foi apresentada.

Logo na abertura, Martín Diaz, recentemente apontado como gerente executivo da Adit Brasil, divulgou alguns números da edição desse ano. Segundo o executivo, o evento recebe 427 pessoas, 48 palestrantes com 33 temas. “Também teremos momentos de networking, que são muito importantes para nós, já que temos como objetivo fomentar cada vez mais negócios.”

A seguir, um dos fundadores da associação, Hélio Abreu, iniciou a cerimônia de posse do novo conselho, que terá Caio Calfat como presidente. “Parabenizo a escolha do Caio Calfat para assumir a posição deixada pelo Felipe Cavalcante. Peço que tratem essa entidade com carinho e mantenham suas principais marcas: proatividade, conectividade com players importantes e a positividade”, afirmou Abreu. 

Ex-presidente e também um dos fundadores da Adit, Cavalcante foi homenageado por seus 13 anos no comando da entidade. “Difícil não ficar emocionado, são 13 anos de história. Tive uma trajetória muito bonita e penso que a associação recebeu um sucessor adequado, além de conselheiros que possuam o DNA da Adit”, comentou. 

Em sua posse, Calfat agradeceu a confiança e afirmou que pensa em novidades para a associação. “Estamos planejando novos eventos, voltados para arquitetura. Planejo, também, manter o ritmo imprimido pelo Felipe em sua gestão”. 

Adit Share: pesquisa do setor

Logo após as cerimônias de abertura e posse da nova gestão, Jimmy Medeiros, pesquisador da FGV (Fundação Getulio Vargas) tomou o palco. Como no ano passado, ele apresentou estudo que mapeia o mercado de timeshare no país, traçando um perfil dos empreendimentos, total de membros dentro dos programas e perspectivas de investimento, entre outras coisas. Em 2019, foram utilizados dados de 102 propriedades em 18 estados brasileiros, informou Medeiros. 

Na amostra pesquisada, por exemplo, 39% dos resorts têm 251 ou mais apartamentos. Já o número de clientes ativos nos programas somavam 365,4 mil pessoas. Numa avaliação por propriedade, 29% dos empreendimentos tinham de 501 a 1,5 mil usuários ativos na base. Quando perguntados sobre perspectivas de ampliação, a ampla maioria (56%) informou não ter interesse, enquanto 16% disseram que já estão executando expansão. 

Ao fim da apresentação, Medeiros apresentou o VGV (Valor Geral de Vendas) das empresas entrevistadas com timeshare e frações imobiliárias. O resultado demonstra o bom momento da indústria, que chegou a um VGV de R$ 3,466 bilhões, montante 173,9% superior ao mapeado no estudo passado.

Na média, cada empreendimento entrevistado movimentou R$ 44,4 milhões em vendas no ano passado, alta de 22,9% frente a media do ano anterior. A programação de palestras da Adit Share continua ao longo de hoje (6) e amanhã (7). O sábado será reservado para visistas a alguns empreendimentos na cidade paranaense.

(*) A reportagem do Hotelier News viaja a convite da Adit Brasil

(**) Crédito das fotos: Juliana Stern/Hotelier News

Comentários