Com aporte de R$ 120 milhões, Jardins de Jurema mira segmento MICE

*De Iretama, Paraná

jardins de jurema- in locoLogo na entrada, já é possível perceber a diferença de conceito do resort

Novidade do complexo Jurema Águas Quentes, em Iretama (PR), o Jardins de Jurema Convention & Termas Resort é o par perfeito para o Lagos de Jurema, empreendimento há 50 anos em operação. Enquanto a unidade mais antiga atende ao público de lazer, seu irmão mais novo, inaugurado em 1º de agosto, foi pensado para focar no segmento MICE (Meetings, Incentives, Conferences and Exhibitions). Ao todo, R$ 120 milhões foram investidos em sua construção.

O resort vem com a proposta de oferecer mais opções de acomodações, lazer e gastronomia aos frequentadores do complexo. O projeto é parte do rebranding que a empresa passou em 2018, deixando de se chamar Termas de Jurema para adotar a marca Jurema Águas Quentes. Com a novidade, a ideia é subir em até 15% o faturamento total do grupo em 2019 frente ao ano anterior.

“Temos uma empresa sólida, consolidada na região. Decidimos fazer um novo produto visando buscar novos mercados e ganhar visibilidade nacional”, conta Nilson Bernal, diretor presidente do complexo. “O Jardins de Jurema é um resort que traz um conceito mais jovem e mais elegante, além de apresentar uma gastronomia mais sofisticada, diferente do Lagos, que tem uma proposta mais acolhedora, com clima de fazenda. São produtos complementares”, destaca.

De acordo com Bernal, mesmo com foco no segmento de eventos e corporativo, o novo resort também oferece toda a infraestrutura para atender aos hóspedes que buscam lazer e entretenimento. Um dos grandes diferenciais do Jurema Águas Quentes é a conexão entre os empreendimentos. Os hóspedes do Lagos podem transitar à vontade e aproveitar as piscinas do Jardins e vice-versa, sem custo adicional.

Já no primeiro mês de operações, o Jardins de Jurema atingiu 100% de ocupação aos finais de semana. Bernal afirma que os clientes habitué do Lagos tiveram participação expressiva para os bons resultados. “Eles, que frequentam o empreendimento há anos, ficaram curiosos  com a abertura e vieram conhecer. Além disso, também trabalhamos ações de marketing e visibilidade com força nesses primeiros oito meses de 2019”, comenta.

jardins de jurema- in locoBernal: somos uma empresa consolidada com capacidade de penetrar novos mercados

Jardins de Jurema: infraestrutura

Num primeiro momento, o resort opera com 114 apartamentos divididos em três categorias: Premium, Superior e Superior Plus (o último tem subcategorias um, dois e três, que se diferenciam apenas pela disposição dos leitos), todos equipados com TV, frigobar, ar condicionado, telefone, cofre, secador de cabelos e abastecidos com água mineral termal. As tarifas estão 10% acima do valor cobrado no Lagos de Jurema. Em breve, o número de quartos deve aumentar em mais 100 unidades. 

O empreendimento serve pensão completa e conta com o restaurante Gardênia, que funciona no sistema de bufê no café da manhã, almoço e jantar; o Flor da Mata, opção à la carte aberto apenas no período noturno; o Espaço Bambu, bar para petiscar tomando drinks, além de dois bares molhados e um Sports Bar.

Na área de lazer, o Jardins possui 10 piscinas de águas naturalmente quentes à 42°C, classificadas como “água mineral hipertermal, alcalino-bicarbonatada, fluoretada e sulforosa”. Há ainda uma fria, totalizando 3 mil metros quadrados de diversão aquática. A estrutura também dispõem de mini-golf, quadra de tênis, salas de jogos, academia, espaço funcional, teatro, Baby Room, Espaço do Chá e um centro de convenções com capacidade para 1 mil pessoas.  

(*) A reportagem do Hotelier News viaja a Iretama a convite do Jurema Águas Quentes

(**) Crédito das fotos: Nayara Matteis/Hotelier News

Comentários