Hyatt Hotels fecha parceria para expandir no mercado chinês

Hyatt-Place-Shanghai-Tianshan-PlazaHyatt Place Shanghai Tianshan Plaza, exemplo do portfólio da rede no país

A Hyatt Hotels fechou parceria com a Homeinns Hotels, do grupo BTG Hotels, para expandir o portfólio na China. O acordo, assinado essa semana, prevê a criação de uma nova marca, ainda não nomeada, do segmento upper-midscale. A projeção é que, nos próximos cinco anos, a nova bandeira tenha empreendimentos em Shangai, Beijing, Guangzhou e Shenzhen.

A nova marca terá como público-alvo jovens da classe média chinesa, que vive acelerada ascensão do país. Segundo o Ministério de Cultura e Turismo da China, a receita com turismo doméstico alcançou CN¥ 5,05 trilhões (R$ 2,8 trilhões) no ano passado, alta aumento de 13% em relação a 2017.

“Há uma oportunidade definitiva para fazermos uma marca no segmento upper-midscale, ainda em crescimento no país”, avalia David Sun, gerente geral do BTG Homeinns Hotels Group. “A combinação da expertise da Hyatt Hotels em hospitalidade premium e nosso experiência com o mercado local e vasto network criará oportunidades e benefícios para viajantes chineses”, completa.

Hyatt Hotels: portfólio

O portfólio chinês da rede norte-americana conta com 70 hotéis nas principais cidades do país. Há ainda no pipeline de desenvolvimento mais 100 unidades nos próximos anos. Já BTG Hotels, grupo com base na China, está presente em mais de 400 cidades, tendo mais de 3,9 mil hotéis sob sua gestão.

Antes de firmar a parceria com o grupo BTG Hotels, o último grande movimento da Hyatt Hotels no mercado hoteleiro foi a aquisição da Two Roads Hospitality. Fechada em novembro, a transação foi fechada em US$ 600 milhões.

(*) Crédito da foto: Hyatt Hotels/Hotelier News

Comentários