MTur lança selo de boas práticas de segurança contra o coronavírus

MTurSelo vai reconhecer estabelecimentos do setor que seguem boas práticas de biossegurança 

Com a propagação do coronavírus, novos hábitos de consumo foram gerados, prezando, inclusive, pela segurança coletiva. Pesquisas já estudam receios de consumidores quanto ao setor do turismo e, para garantir o bem-estar de todos,  o MTur (Ministério do Turismo) desenvolveu o projeto “Turista Protegido”.

Apresentando na última sexta-feira (8) em celebração do Dia Nacional do Turismo, o projeto consiste no desenvolvimento de um selo, que assegura que o estabelecimento está cumprindo as recomendações de segurança.

A primeira fase do projeto consiste em um desenvolvimento de protocolos de segurança sanitária e de boas práticas para cada um dos segmentos do setor. Feito isso, os estabelecimentos precisam estar cientes e orientar os turistas sobre como cumprir as precauções básicas de prevenção ao coronavírus. O selo estará vinculado ao Cadastur (Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos).

De início, estão previstos 16 protocolos de boas práticas, cada um adaptado ao setor atendido, como meios de hospedagem, agências de turismo, locadoras de veículos, transportadoras, parques temáticos, casas de espetáculo, guias de turismo.

MTur: retomada do setor

Diante dos grandes impactos que a crise do coronavírus deixa no setor, o MTur desenvolveu o "Plano de Retomada do Turismo Brasileiro". Preocupada em minimizar as consequências e aos poucos, organizar o retorno das atividades, a pasta inicia o projeto através da criação do selo.

Dada medida é também uma forma de garantir a preocupação da pasta com protocolos de higiene e limpeza, promovendo, assim, o país como um destino turístico protegido e preocupado em oferecer cuidados aos seus visitantes nacionais e internacionais.

Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo acredita ainda que “Essa política do Ministério do Turismo está alinhada às melhores práticas globais e é mais uma ação da Pasta de olho na retomada da atividade turística em todo o país. Vamos sair na frente e assegurar que os anseios do turista por uma viagem mais segura seja atendido”.

(*) Crédito da foto: Paula Oliveira/Pixabay

Comentários