Ocupação hoteleira de Pernambuco sobe 5% no Carnaval frente a 2019

pernambucoOcupação já chega a 95,67%

Sempre com altas expectativas por parte do setor hoteleiro, o Carnaval é um período que aumenta drasticamente o fluxo de turistas em cidades que são o centro das festividades nacionais. O estado de Pernambuco, com a clássica folia de Momo, estima atingir uma taxa média de ocupação hoteleira na casa dos 95,67%, cerca de 5% maior ao registrado em 2019.

Na rota dos destinos mais procurados do Brasil durante o Carnaval, Pernambuco é tido como estado líder em ocupação hoteleira no Nordeste, segundo dados levantados pela ABIH (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis). Para auxiliar no aumento do fluxo, o estado também aumentou o número de voos para o feriado.

Destinos populares em Pernambuco

Entre os municípios mais procurados estão a região Agreste e Pesqueira. Já na região cosmopolita, Recife e Olinda são os campeões, com taxas de ocupação em 95,97% e 96,67%, respectivamente. Segundo pesquisa da Empetur, a média de permanência nas cidades para as comemoração indica uma taxa de 4,2 dias por todo estado. As cidades que apresentam maiores números são Recife (4,9 dias), Fernando de Noronha (5), Gravatá (5) e Olinda  (5,2).

Para Rodrigo Novaes, secretário de Turismo e Lazer, “o período carnavalesco é um atrativo tanto para o turista interno quanto para os que vêm de fora do estado. A representatividade de Pernambuco nessa festa popular movimenta toda a cadeia do turismo, faz aumentar o número de voos para a capital e aquece fortemente a economia do estado”.

(*) Crédito da foto: Divulgação/Prefeitura de Olinda

Comentários