Parceira do Amadeus na Índia tem dados roubados

Amadeus - vazamento na ÍndiaFuncionário da empresa indiana deliberadamente roubou os dados

O Amadeus confirmou, esta semana, que informações pessoais de usuários foram roubadas de uma distribuidora independente parceria na Índia. O roubo das informações ocorreu em janeiro, no sistema da Resbird Technologies

Em comunicado, a gigante de distribuição informou que não houve acesso não autorizado à base dados. Na verdade, um funcionário da Resbird Technologies roubou de maneira ilegal informações de passageiros. No comunicado, a empresa confirmou que o funcionário foi demitido e que um boletim de ocorrência policial foi feito.  

Apuração interna do Amadeus aponta que o funcionário passou as informações para uma empresa especializada em chips para celulares no Reino Unido. De acordo com a empresa, as informações roubadas incluem nome, detalhes de contato e itinerários de viagens, todas de tíquetes emitidos na Índia.

Amadeus: mais informações

Não se sabe ao certo o número de usuários afetados na base de dados da Resbird Technologies. No entanto, o Amadeus confirmou que foi grande suficiente para reportar o vazamento para autoridade na Espanha. 

Em paralelo, a empresa enviou uma carta à companhia de chips para que as informações roubadas sejam devolvidas ou destruídas. Além disso, o Amadeus está realizando uma revisão dos dados comprometidos, que remontam ao final de junho de 2018. Para ler comunicado do Amadeus (em inglês), acesse https://bit.ly/2Vp0Ffo.

No final do ano passado, a Marriott International foi atacada por hackers. Na ocasião, dados de 500 milhões de consumidores da Starwood Hotels & Resorts foram ilegalmente transferidos da base de dados da empresa.

(*) Crédito da foto: pixelcreatures/Pixabay

Comentários