RN recebe o selo Safe Travels desenvolvido pelo WTTC

RN - SELOEmprotur foi a responsável pela certificação

Diante do cenário de pandemia, uma grande tendência para tranquilizar os turistas tem sido a adaptação de selos de segurança. Recentemente, o próprio MTur (Ministério do Turismo) apresentou a certificação Turismo Responsável, por exemplo. No âmbito internacional, foi desenvolvido o Safe Travels, do WTTC  (Conselho Mundial de Viagens e Turismo, na sigla em inglês). No Brasil, o reconhecimento acaba de ser concedido ao estado do Rio Grande do Norte.

Com a retomada do turismo local, o estado vem trabalhando novos protocolos de segurança. Empenhada em adaptar-se ao novo normal, a responsável pelo reconhecimento foi a Emprotur (Empresa Potiguar de Promoção Turística), que foi em busca da certificação do WTTC, com a requisição do selo de viagem segura criado pela entidade. “É importante que o trade tenha confiança e credibilidade na venda do nosso destino para os turistas terem a melhor experiência de viagem por aqui”, diz Bruno Reis, presidente da Emprotur. 

“Para obtenção deste importante reconhecimento, contamos com a participação ativa do Sistema Fecomercio por meio do SENAC, Sebrae, Secretaria Estadual de Saúde do RN, todas as entidades do trade turístico potiguar e o conselho dos cinco polos turísticos do estado. Um trabalho realizado de forma conjunta buscando gerar os benefícios reais aos turistas e transformar o RN em um destino que planeja a atividade com seriedade e profissionalismo para colaborar com a retomada da economia em nosso estado”, complementa Aninha Costa, secretária de turismo do RN. 

RN: o selo

Para a validação do selo, os protocolos precisam atender a requisitos que equilibrem segurança e viabilidade. Nesse sentido, são aceitos somente aqueles que propõem as devidas regras sanitárias, de saúde, desinfecção, distanciamento e segurança. Em equilíbrio com a viabilidade dos negócios de todos os tamanhos, de forma que possam ser realisticamente executadas.

Essa iniciativa se soma à criação do selo local, chamado Turismo + Protegido, que tem como objetivo capacitar os profissionais do setor e promover os serviços turísticos do Rio Grande do Norte. Lançaremos uma plataforma para que os viajantes tenham acesso às empresas do estado que fizerem adesão voluntária ao selo.

(*) Crédito da foto: Divulgação/Setur-RN

Comentários