STR: hotéis de Londres têm abril de recordes negativos

STR - resultados abril 2020_internaNíveis de RevPar e ocupação foram os mais baixos da história

Mesmo algumas semanas à frente do Brasil em relação aos impactos do coronavírus, a pandemia ainda causou estragos na hotelaria britânica em abril. As medidas de isolamento adotadas pelo governo inglês derrubaram os indicadores de Londres, que registrou mínimas históricas para o período. As informações são da STR.

Analistas da empresa informam que os níveis de ocupação e de RevPar em Londres foram os mais baixos de toda série histórica, e para qualquer mês. Vale destacar que, em março, o  primeiro indicador já havia registrado performance bastante negativa, fechando o período em 32,7%. Por fim, a diária média cedeu para abaixo de £ 90 pela primeira vez desde 2005.

STR: os números

Em abril, a ocupação na capital inglesa recuou 73% frente igual período de 2019, fechando o mês em 21,9%. A queda no indicador teve impacto decisivo na performance do RevPar, que cedeu impressionantes 83,5% (para £ 19,11), na mesma base de comparação. Por fim, como citado, o RevPar chegou ao valor absoluto mais baixo desde 2005, com variação negativa de 38,9% (para £ 87,18).

(*) Crédito da capa: Eduardo Casajús Gorostiaga/Unsplash

(**) Crédito da foto: Lucia Hatalova/Unsplash

Comentários