IHG reforça o caixa em meio à pandemia

IHG - reforço de caixaRede britânica elevou sua liquidez total disponível para US$ 2 bilhões

Em comunicado divulgado ontem (27), o IHG (InterContinental Hotel Group) informou que garantiu novos acordos de financiamento para fortalecer o caixa. Os empréstimos ocorrem em meio à pandemia do coronavírus, que vem afetando toda hotelaria global. Com a medida, a rede britânica fortalece sua posição de liquidez.

Pelos que foi divulgado, o IHG obteve alteração de sua linha de crédito rotativa. Com a mudança, a empresa introduz uma liquidez mínima de US$ 400 milhões. Em paralelo, o Banco da Inglaterra também confirmou o IHG como emissor elegível para o CCFF (Covid Corporate Financing Facility), programa criado pelo governo do Reino Unido. Com isso,o IHG emitiu £ 600 milhões sob esse mecanismo.

O IHG agora tem acesso a US$ 1,35 bilhão em crédito, além de um valor adicional de US$ 660 milhões em aberto em instituições financeiras. Com isso, a rede britânica elevou a liquidez total disponível para US$ 2 bilhões.

IHG: resultados financeiros

A rede britânica adiantou alguns números relativos ao balaço do primeiro trimestre. De acordo com a empresa, o RevPar global deve cair aproximadamente 25% na comparação anual, com um recuo de 55% apenas em março. No dia 7 de maio, o IHG divulga seus resultados financeiros referentes ao primeiro trimestre de 2020.

Em compensação, a performance no mercado chinês evolui gradualmente a cada dia, informa o IHG. Hoje, apenas 12 dos 470 unidades no país estão fechadas. Nos Estados Unidos, apenas 10% da oferta está com operações suspensas, percentual que sobe para 50% na região EMEAA (Europa, Oriente Médio e África, na sigla em inglês). Por fim, a rede britânica informa que os níveis de ocupação global nos hotéis estão na casa de 20% globalmente. 

(*) Crédito da foto: stevepb/Pixabay

Comentários