THG aumenta presença na capital paulista e assume administração do Prodigy Berrini

THG aumenta presença na capital paulista e assume administração do Prodigy BerriniUm dos 180 apartamentos da unidade paulistana

A rede THG (Transamerica Hospitality Group) volta a ampliar sua oferta em São Paulo. A empresa confirmou que, a partir de 1º de dezembro passa a administrar o hotel que atualmente atendo com a marca Prodigy, na região da Berrini, zona sul paulistana. O meio de hospedagem funciona com sob gestão GJP Hotels & Resorts até lá.

O empreendimento fica localizado na rua R. Quintana, número 1012, no bairro do Brooklin Novo. 

A nova gestora adianta que a proposta para a unidade é utilizar a marca HT, presente no mercado da cidade há 30 anos com resort urbano Transamérica São Paulo, também instalado na zona sul. Dessa maneira, a ideia é levar a
expertise de seu hotel referência para as áreas de atendimento e eventos e reposicionar edifício da Berrini no cenário competitivo do município.

O prédio será chamado de HT Berrini e oferece 180 apartamentos, nas categorias standard a luxo. A propriedade oferece áreas de lazer com piscina e serviço de room service 24 horas, além do restaurante Tulsi Indian Cuisine e ala de eventos com cinco salas moduláveis e capacidade para até 200 pessoas.

Otimismo do THG

Rosangela Gonçalves, diretora executiva de vendas e marketing da rede, antecipa o otimismo da empresa com a nova unidade. "Estamos muito felizes com mais esta conquista, isto nos mostra que estamos no caminho certo, diz.

"Para a rede, a localização do empreendimento foi decisiva. Com ele, ampliamos o leque de opções de hospedagem para o cliente Transamerica que vem a São Paulo, seja ele a negócios ou a lazer", completa Sérgio Assis, diretor de Operações da companhia.

Em 2018, a empresa voltou as atenções para São Paulo. Em março assumiu o Feller Paulista, em agosto inaugurou uma unidade em Taboão da Serra, e anunciou um hotel em Holambra no mês passado.

A GJP

A companhia presidida por Guilheme Paulus, comenta que a saída após cinco anos de gestão se deu em virtude de uma estratégia recentemente implementada. A rede explica que a ideia é apostar em unidades próprias a partir de agora.

(*) Crédito da foto: Divulgação/GJP

Comentários