';

"Bem-vindos ao nosso novo portal! "

Peter Kutuchian
Founder & CEO
Cursos
icone de um computador com um LMS (learn management system)
Confira nossos cursos

Três perguntas para: Allessandro Canella

Por Nayara Matteis 18 de maio de 2020

Allessandro CanellaCanella é também um dos organizadores do Hotel Summit

Empreendedor inquieto, palestrante, professor e entusiasta do Marketing Digital, Allessandro Canella é daqueles profissionais multitarefas sempre antenado ao que está acontecendo no mercado. Convidado pelo Hotelier News para participar do Três perguntas para, ele destacou o papel da tecnologia no momento de retomada e como a crise trouxe muitas oportunidades para o setor.

Pós-graduado em Marketing Estratégico e diplomado em Dublin (Irlanda) em Digital Marketing & Certificate in Social Media, Canella é também professor dos cursos de pós-graduação em Mídias Digitais da UniJorge e de Comunicação Digital E-business da Unime. Há 19 anos no comando da BeeWeb, agência de publicidade digital especializada no mercado hoteleiro, o profissional é também sócio do Hotel Summit, congresso hoteleiro de Marketing Digital que conta com o apoio do Hotelier News

Fundador da selfHotel, plataforma de Marketing Digital que atende ao setor de hospedagem, já esteve à frente de contas como Fiesta Bahia Hotel, Porto Zarpa Hotel e Kiaroa Eco Luxury Resort. Além da tecnologia e hotelaria, Canella ainda cultiva outras paixões como gastronomia, cinema e cervejas artesanais.

Três perguntas para: Allessandro Canella

Hotelier News: A selfHotel oferece múltiplas plataformas de gestão para o mercado hoteleiro. Entre as ferramentas oferecidas, quais serão as mais relevantes para o momento de retomada?

Allessandro Canella: Agora mais do que nunca é a vez do Marketing Digital como ferramenta estratégica de vendas para o mercado hoteleiro. O selfHotel dispõe de diversas ferramentas que auxiliarão os hotéis nessa retomada, como gestor 360 para seus sites com conceito evergreen, motor de reservas para as compras serem efetivamente online por cartão de crédito ou criptomoedas, uma poderosa plataforma de blog para mostrar as principais experiências na região – incentivando o desejo nos visitante e fortalecendo a autoridade do hotel –, sem falar dos diversos gatilhos mentais de conversão como o cronometro regressivo de promoções, captura de leads e a notificação de remarcação de reservas.

HN: Como a empresa vem auxiliando seus clientes durante a crise? E quais ações estão sendo feitas para a recuperação do mercado?

AC: Além de estarmos atuando ativamente de forma consultiva com cada cliente, mostrando a importância de permanecerem ativos em seus canais digitais, planejarem seu plano de tarifas até o final de 2021 e criar ações de incentivo às reservas antecipadas, fizemos reduções nos valores da assinatura e ainda criamos ferramentas como a notificação para remarcação de reservas, que agora pode ser utilizada por assinantes e não assinantes de forma gratuita, incentivando as remarcações e diminuindo os cancelamentos.

HN: Quais as principais lições que o mercado de tecnologia vem aprendendo com a crise?

AC: A crise com a pandemia vem prejudicando a economia global, mas tem se tornado uma grande oportunidade para o setor tecnológico, de vendas ou serviços online. Com quase 1 bilhão de pessoas confinadas no mundo, a população utiliza cada vez mais o comércio digital e todos os tipos de serviços que até então desconheciam. O trabalho mudou do dia pra noite e o home office se tornou uma realidade de muitos. A tecnologia está auxiliando este processo e, com certeza quando a pandemia acabar, alguns aspectos do mercado de trabalho vão mudar definitivamente, como uma maior utilização de videoconferências, aumento do trabalho em casa, o desejo por viagens e o comércio online, que vão crescer mais ainda. As pessoas vão sentir mais segurança em realizar compras online, em fazer reservas por aplicativos e sites, entre outras coisas.

Grandes empresas como Netflix, Amazon, Facebook, Instagram e YouTube têm tido um crescimento exorbitante com as séries, livros, lives e uso das redes sociais. Acredito que a crise é ruim, em muitos aspectos, mas também é uma grande oportunidade para se reinventar. Os hotéis precisam estar atentos a este nicho do Marketing Digital, do mundo digital e aproveitar esta oportunidade para investir neste mercado, não deixando a sua marca cair no esquecimento. Isso tudo vai passar e as pessoas continuarão com o desejo por viajar. Aqueles que souberem aproveitar o momento dessa nova liberdade vão aproveitar e lucrar muito mais.

(*) Crédito da foto: Arquivo Hotelier News