';

"Novas fases, muitas mudanças e novidades para vocês!"

Vinicius Medeiros
Editor-Chefe
Cursos
icone de um computador com um LMS (learn management system)
Confira nossos cursos

FOHB apresenta cartilha com orientações para hotelaria em casos de coronavírus

Por Redação 4 de março de 2020

fohb- coronavirusEpidemia afetou profundamente o setor hoteleiro na China

O COVID-19, conhecido popularmente como coronavírus, é epicentro da nova epidemia que se espalha ao redor do globo. De origem chinesa, o vírus chegou ao Brasil recentemente, com dois casos confirmados em São Paulo. Com isso, o FOHB (Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil) divulgou um material com orientações voltadas para o setor de hotelaria quanto à crise causada pela epidemia. O Hotelier News também publicou uma matéria com algumas medidas preventivas.

O primeiro caso no Brasil foi em um paciente de 61 anos, que viajou à Itália a trabalho. Em resposta, o governo do Estado de São Paulo anunciou um investimento de R$ 30 milhões para combate ao coronavírus. Pelo Brasil,  433 casos suspeitos estão sendo monitorados pelo Ministério da Saúde, em 23 estados.

FOHB: orientações

Dentre as medidas preventivas indicadas estão o isolamento do paciente com suspeita de contaminação, análise dos sintomas e obviamente, a comunicação aos médicos. Caso as suspeitas sejam confirmadas, indica-se desde o isolamento do paciente e de seus bens à cuidados mais severos, que podem ser conferidos diretamente na cartilha, através do link.

Orlando de Souza, presidente executivo do FOHB, destaca a importância de evitar o pânico e seguir as orientações do Ministério da Saúde: “Em situações como essa, é importante mantermos a calma e agirmos de maneira racional. Nós elaboramos uma cartilha de procedimentos para seguir em casos do novo Coronavírus em hóspedes ou colaboradores de hotéis e redes hoteleiras. Queremos disseminar essa informação para a maior quantidade de pessoas possível, afinal é de grande importância para todos que a transmissão do vírus se mantenha controlada”.

Ao redor do mundo, a crise já traz consequências para o ramo da hotelaria. Custando milhões à economia norte americana e resultando, inclusive, em fechamentos de hotéis na China.

(*) Crédito da foto: Kin/Cheung/AP